Tensão no ar: paraquedistas quase chocam com caças F-15
  • piramide

Correio do Pantanal

12 set 2019 às 22:55 hs
Tensão no ar: paraquedistas quase chocam com caças F-15

Pilotos voavam a mais de 500 km/h e não sabiam que paraquedistas podiam estar nos céus.

Caças F-15.© EPA/Jeon Heon-Kyun

Relacionados

Nos céus de Chatteris, no Reino Unido, dois paraquedistas que estavam a realizar queda livre quase colidiram no ar com dois aviões de combate americanos F-15 que seguiam a aproximadamente 560 km/h, revelou um relatório agora tornado público. O incidente remonta a 17 de abril e é considerado “grave” pelo UK Airprox Board.

“Os pilotos da Base Aérea de Lakenheath deviam ter sido informados pelo controlo do trafego aéreo de existiam paraquedistas na zona”, afirmou a UK Airprox Board. Segundo o relatório, “há imagens da câmara Go-Pro de um do paraquedistas onde se pode ver nitidamente os aviões a passar por baixo”. Não há dados do quão perto passaram os caças dos paraquedistas.

De acordo com a nota, os jatos de Lakenheath mudaram de rota e quando entraram em contacto com o controlo do tráfego aéreo os paraquedistas já estavam a sobrevoar a cidade de Chatteris, em Cambridgeshire.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.