Temporada de pesca começa e pescadores devem respeitar cota especificada em MS

Correio do Pantanal

1 mar 2021 às 21:52 hs
Temporada de pesca começa e pescadores devem respeitar cota especificada em MS

De acordo com o governo de Mato Grosso do Sul, 80% dos turistas vão, exclusivamente, pescar no Pantanal durante este período.

Por G1 MS

01/03/2021 18h15  Atualizado há 4 horas


Pescadores em Mato Grosso do Sul — Foto: Reprodução/TV Morena

Pescadores em Mato Grosso do Sul — Foto: Reprodução/TV Morena

A temporada de pesca começou nesta segunda-feira (1º) em Mato Grosso do Sul. A prática esportiva para captura está liberada nas bacias dos rios Paraguai e Paraná, respeitando a cota especificada pelo governo do estado. Nos rios pantaneiros, o pescador amador poderá levar um exemplar de qualquer tamanho, dentro das especificações mínimas e máximas definidos por lei, e mais cinco piranhas.

Veja a lista dos exemplares que podem ser capturados, os tamanhos mínimos e máximos dos peixes e as especificações:

Tabela mostra especificações dos peixes que podem ser capturados em MS — Foto: GOVMS/ Divulgação

Tabela mostra especificações dos peixes que podem ser capturados em MS — Foto: GOVMS/ Divulgação

De acordo com o governo de Mato Grosso do Sul, 80% dos turistas que vão à Corumbá (MS), cidade pantaneira, buscam o destino exclusivamente para pesca, seja ela recreativa ou esportiva, durante este período.

A diretora-secretária da federação dos Pescadores de Mato Grosso do Sul, Elis Regina Severino afirma que a abertura da pesca trará de volta o turismo para as regiões dos rios. “O turismo é o carro chefe da nossa região, dos municípios de Ladário e Corumbá. A produção está boa e os empresários e pescadores acreditam que este ano será melhor”.

“Um fato: ano passado não teve nada, não teve produção e turismo. Agora, muitas pessoas do setor estão tomando todas as precauções e acreditamos que este ano será bem melhor. Teremos um retorno maior, o turismo principalmente. Já os pescadores profissionais estão otimistas e esperam conseguir trabalhar mais em 2021”, destacou Elis Regina Severino.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.

%d blogueiros gostam disto: