Igreja ortodoxa debaixo de fogo na Roménia após bebé morrer no batismo
  • No Banner to display

  • celular

Correio do Pantanal

5 fev 2021 às 21:01 hs
Igreja ortodoxa debaixo de fogo na Roménia após bebé morrer no batismo

Menino de seis semanas sofreu uma paragem cardíaca e foi levado rapidamente para o hospital na segunda-feira, mas morreu algumas horas depois, com a autópsia a revelar água nos pulmões

Igreja ortodoxa debaixo de fogo na Roménia após bebé morrer no batismo
© DANIEL MIHAILESCU / AFP

DN/AFP05 Fevereiro 2021 — 21:34

AIgreja Ortodoxa está debaixo de uma enorme pressão na Roménia para mudar os rituais de batismo, depois de um bebé ter morrido logo a seguir à cerimónia, que envolve a imersão de bebés em água benta por três vezes.

O menino de seis semanas sofreu uma paragem cardíaca e foi levado rapidamente para o hospital na segunda-feira, mas morreu algumas horas depois, com a autópsia a revelar água nos pulmões.

Entretanto, o ministério público local abriu um processo de homicídio culposo contra o padre da cidade de Suceava, no nordeste do país.

Uma petição online está a pedir mudanças no ritual e conseguiu reunir mais de 56 mil assinaturas até à noite de quinta-feira. “A morte de um bebé recém-nascido por causa dessa prática é uma grande tragédia. Este risco deve ser descartado para que a alegria do batismo triunfe”, pode ler-se numa mensagem que acompanha a petição.

Um internauta denunciou a “brutalidade” do ritual e outro criticou a “teimosia de quem pensa que é vontade de Deus” mantê-lo. Paralelamente, a imprensa do páis deu conta de vários incidentes semelhantes nos últimos anos.

O porta-voz da Igreja, Vasile Banescu, disse que os padres podem derramar um pouco de água na testa do bebé, em vez de recorrerem à imersão total.

Mas o arcebispo Teodosie, líder da ala tradicionalista da Igreja, disse que o ritual não vai sofrer alterações.

Mais de 80% dos romenos são ortodoxos e a Igreja é uma das instituições mais confiáveis, de acordo com sondagens recentes.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.

%d blogueiros gostam disto: