ROTAI prende dois suspeitos por tráfico, apreende drogas e arma na região central de Coxim

Correio do Pantanal

9 abr 2018 às 10:47 hs
ROTAI prende dois suspeitos por tráfico, apreende drogas e arma na região central de Coxim

EDIÇÃO MS

Foto: Edição MS

No final da manhã deste domingo (09), a ROTAI (Rondas Ostensivas e Táticas do Interior) prendeu dois jovens por suspeita de tráfico de drogas. Jeferson Henrique de Oliveira Lucas, de 23 anos, mais conhecido como Tio Patinhas, e João Carlos Pereira da Silva, de 21 anos, foram presos após a abordagem de dois usuários de entorpecentes. Segundo a polícia, Tio Patinhas é dono da boca de fumo que funcionava na rua Floriano Peixoto e tinha Silva como seu braço direito, ou seja, na ausência de um o outro tomava conta da comercilização de drogas.

A ROTAI chegou até os jovens depois de abordar dois usuários, de 16 e 19 anos. Ao avistarem a viatura, um dos usuários tentou se desfazer de uma paradinha de maconha, mas os olhos dos policiais alcançaram a ação do adolescente, que tirou a droga do bolso do short e jogou. Com o jovem de 19 anos os policiais encontraram outra paradinha, também de maconha. Inicialmente, ambos esconderam onde tinham comprado o entorpecente, mas, depois que a ROTAI visitou a casa do jovem, com sua autorização, ele acabou contando onde e de quem comprou as paradinhas.

Como os policiais já tinham conhecimento da prática por parte de Tio Patinhas, de quem já teriam recebido diversas denúnicas, eles decidiram fazer buscas na residência suspeita. De acordo com a ROTAI, dentro de uma bolsa guardada no quarto do suspeito foi encontrado um tijolo de maconha, além de uma balança de precisão. Um revólver de calibre 38 com cinco munições intactas também foi encontrado na casa, escondido atrás de um guarda-roupas. Esse revólver seria de uma facção criminosa e estaria aos cuidados de Tio Patinhas.

O suspeito não estava na residência quando os policiais chegaram. Durante as buscas, Silva chegou na casa, falando no celular e ao se deparar com a ROTAI disparou: “A polícia está aqui mano”, deslingando o celular em seguida. O jovem informou que estava falando com Tio Patinhas, pois ele tinha pedido que fosse até sua residência, se certificar se a polícia realmente estava lá. Conforme os policiais, Silva acabou informando o paradeiro do comparsa, que estava na casa do pai.

Assim que a ROTAI chegou no endereço Tio Patinhas tentou fugir, saiu correndo pelo fundo da residência, mas não conseguiu. Os dois suspeitos foram presos em flagrantes e, conforme o boletim de ocorrência, devem responder por tráfico de entorpecentes, associação criminosa e posse irregular de arma de fogo. Além deles, os dois usuários também foram levados para a delegacia, ouvidos e liberados. Os suspeitos serão encaminhados a audiência de custódia, onde será definida a manutenção da prisão. Eles já colecionam passagens pela polícia por furto, roubo, receptação, lesão corporal, cárcere privado e tráfico de entorpecentes.

Foto: Divulgação/5ºBPM
ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.

%d blogueiros gostam disto: