Homem que matou ex-esposa em chá de bebê é condenado a 12 anos de prisão

Correio do Pantanal

23 fev 2018 às 10:45 hs
Homem que matou ex-esposa em chá de bebê é condenado a 12 anos de prisão

NOTICIAS AO MINUTO

Silvano Aparecido dos Santos de 36 anos foi condenado a 12 anos de prisão pelo assassinato da ex-esposa Cristiane Santana de Assis, 30, durante um “chá de bebê’ no dia 04 de junho de 2016, na casa da irmã da vítima em Anaurilândia, cidade a 366 quilômetros de Campo Grande.

Segundo a polícia na época, Silvano foi ao local e tentou insistentemente ter uma conversa em particular com a ex que não queria conversar.

No final do evento, quando só estavam alguns convidados, Silvano agrediu a vítima e a esfaqueou no abdômen.

Cristiane foi socorrida e o autor fugiu em meio a uma mata, levando a arma utilizada no crime. Ela chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Prisão

No dia 12 de julho de 2016, em virtude de um mandado de prisão preventiva, Silvano foi preso pela Polícia Civil em Presidente Epitácio (SP). Ele estava escondido na propriedade do padrasto, e vivia dentro de um buraco. No local, havia colchão, água e alimentos.

Após sua prisão, ele foi encaminhado para a delegacia de Polícia de Anaurilândia onde ficou a disposição da Justiça. (Foto: /SIG/Presidente Epitácio)

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.

%d blogueiros gostam disto: