Mais de 2 mil protestam contra conferência de segurança na Alemanha

Correio do Pantanal

18 fev 2018 às 10:29 hs
Mais de 2 mil protestam contra conferência de segurança na Alemanha

NOTICIAS AO MINUTO

© Reuters

Cerca de 2,2 mil pessoas participaram de uma manifestação contra a Conferência de Segurança de Munique (NSC, na sigla em inglês) na Alemanha, informou a mídia local da Bayerischer Rundfunk, neste sábado (17).

Os manifestantes gritaram slogans, incluindo “Não à guerra”, “Descartem a OTAN”, “Não há vencedores em guerra”, de acordo com as informações divulgadas pela mídia.

Os organizadores das manifestações reuniram mais de 100 grupos de protesto de toda a Alemanha.

Os ativistas curdos que militaram contra a ofensiva militar turca na região de Afrin, na Síria, juntaram-se aos manifestantes.

A polícia disse que a manifestação foi realizada de forma pacífica, acrescentando que não ocorreram incidentes graves durante o protesto.

Mais de 4 mil policiais estiveram envolvidos na garantia de segurança durante a manifestação.

A 54ª edição do Conferência de Segurança de Munique (MSC, na sigla em inglês) é realizada desde sexta-feira (16) e vai até este domingo (18), na Alemanha, reunindo mais de 30 chefes de estado e governo e mais de 100 ministros de vários países.

Durante as primeiras décadas de sua operação, o fórum, fundado em 1963, foi comumente chamado de “reunião familiar transatlântica” porque os aliados da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) se reuniram durante a conferência.

Nas últimas décadas, o MSC tornou-se um local independente para formuladores de políticas e especialistas para discussão de questões internacionais de segurança. Com informações do Sputnik News. 

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.

%d blogueiros gostam disto: