Ameaçada de extinção, jaguatirica é morta a tiro e pauladas em MS

Correio do Pantanal

21 dez 2017 às 23:22 hs
Ameaçada de extinção, jaguatirica é morta a tiro e pauladas em MS

NOTICIAS AO MINUTO

© Divulgação/PMA

Uma jaguatirica foi encontrada morta na quarta-feira (20) às margens da rodovia BR-163, em Nova Alvorada do Sul, no Mato Grosso do Sul. O animal tinha marcas de tiro e pauladas.

A polícia militar ambiental foi acionada pela concessionária que administra a rodovia, que acreditam se tratar de um atropelamento. Quando chegaram no local, encontraram o animal com uma perfuração na cabeça provocada por arma de fogo. Os agentes acreditam que depois do tiro, foram dadas pauladas no felino.

“Atropelado é comum. Agora, pessoas matarem, não é. Essa jaguatirica, quando se aproxima do terreno urbano e de sítios, por exemplo, se alimenta principalmente de galinha. Quando o animal faz isso, as pessoas querem matar”, explicou ao ‘G1’ o coronel Edmilson Queiroz, da PMA.

Por se tratar de um animal ameaçado de extinção, a PMA está tomando todas as providências para que o responsável seja punido. “Nós vamos comunicar a Polícia Civil de Nova Alvorada. Se a pessoa for identificada, pode até até um ano e meio de prisão e uma multa de R$ 5 mil”, explicou o coronel.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.

%d blogueiros gostam disto: