Mais de 12 toneladas de drogas foram apreendidas em MS

Correio do Pantanal

2 jun 2021 às 23:06 hs
Mais de 12 toneladas de drogas foram apreendidas em MS

A maconha estava escondida em uma carga de farelo de soja, com destino a Joinville, SC

Com a apreensão de 12,4 toneladas de maconha na tarde de terça-feira (01) em Eldorado, município localizado a 441,1 km da Capital, o prejuízo ao tráfico de drogas chegou a mais de doze milhões de reais. A droga estava escondida em uma carga de farelo de soja.

O caminhão que transportava a droga tinha a placa de Cascavel (PR), e era conduzido por um homem de 32 anos, e de acordo com a Polícia, o condutor disse que oferecerem a ele o valor de R$ 20 mil para poder realizar o transporte.

A carga foi carregada no Paraguai com destino a Joinville (SC). A polícia afirma ainda que o homem negou saber que se tratava de maconha.

O envolvido e a droga foram encaminhados para a Polícia Federal em Naviraí.

COMBATE AO CRIME

Ontem (01) o Ministério da Segurança firmou acordo com o governo paraguaio para tentar amenizar o tráfico na região de fronteira em Mato Grosso do Sul. O acordo visa intensificar a segurança na região.

Apenas neste ano, mais de 200 toneladas de drogas foram apreendidas na região.

“É do conhecimento de todos, as barbáries criminais cometidas nas fronteiras, principalmente em Ponta Porã e Pedro Juan Caballero. A dinâmica das redes criminais relacionadas ao narcotráfico, atuante ao longo da fronteira específica, exige ações sistemáticas do poder publico naquela região”, disse o ministro Anderson Torres durante reunião em Brasília, com o Paraguai.

De janeiro a maio de 2021, a Polícia Federal deflagrou sete operações na região de fronteira de Mato Grosso do Sul, o número é quase maior que o registrado durante todo o ano de 2020, quando foram registradas oito operações policiais.

Correio do Estado MS – Beatriz Magalhães

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.