Pescador de MS perde 40 kg de pescado com medida ilegal após anúncio de venda em rede social

Correio do Pantanal

26 abr 2018 às 09:00 hs
Pescador de MS perde 40 kg de pescado com medida ilegal após anúncio de venda em rede social

Segundo a Polícia Militar Ambiental, os peixes da espécie pacu estavam abaixo da medida permitida pela legislação. A multa aplicada foi de R$ 1,5 mil.

Por G1 MS

Peixes abaixo da medida são apreendidos após anúncio em rede social

Um pescador de Corumbá, região do Pantanal de Mato Grosso do Sul, foi multado em R$ 1,5 mil e perdeu 40 quilos de pescado abaixo da medida permitida pela legislação. A fiscalização foi realizada depois de um anúncio de venda de peixes em uma rede social.

Segundo a Polícia Militar Ambiental (PMA), no endereço informado na rede social havia uma idosa de 65 anos que mostrou o pescado no freezer. Havia vários peixes da espécie pacu com 37 centímetros, quando a medida de captura permitida por lei é de 45 centímetros.

A idosa afirmou que o pescado era do sobrinho, conhecido por “Capim”, e que tinha o costume de pescar no rio Paraguai, no Distrito de Porto da Manga. O pescador deve responder por crime ambiental de comercialização de produto da pesca predatória. A pena prevista é de um a três anos de prisão.

O pescado será doado para instituição filantrópica, depois de passar por perícia.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.

%d blogueiros gostam disto: