MS é o 2º do País na geração de  energia a partir da biomassa

Correio do Pantanal

7 set 2018 às 09:45 hs
MS é o 2º do País na geração de  energia a partir da biomassa

Neste ano, Estado produziu 415,2 megawatts, o que abasteceria 950 mil residências por um mês

REDAÇÃO

“Assinei semana passada a autorização de incentivos fiscais para esta nova empresa. O objetivo deles é entrar em operação em 2022 ”, revelou ao Correio do Estado o titular da Secretaria Estadual de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro), Jaime Verruck. “Além disso, temos sinalização de outros dois projetos: uma usina da Eldorado na cidade de Selvíria, que vai utilizar folha e raízes de eucalipto para fazer energia, com capacidade de 50 MW; e outra usina, já em estágio bem avançado, em Coxim, que pretende gerar 30 MW, mas de maneira gradativa, começando com 10 MW”.

Atualmente, segundo o titular da Semagro, o Estado tem 19 usinas de álcool e a maioria delas já utiliza o bagaço da cana-de-açúcar para produzir energia de biomassa. “A maioria percebeu que a energia é um bom negócio. As usinas fazem coleta de parte da palha para queimar, e elas têm um contrato de longo prazo para fornecimento”, explica.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.

%d blogueiros gostam disto: