Mais da metade das aposentadorias são concedidas com atraso

Correio do Pantanal

24 set 2018 às 09:11 hs
Mais da metade das aposentadorias são concedidas com atraso

Defensoria Pública da União acionou a Justiça Federal para que a concessão não ultrapasse os 45 dias previstos em lei

Por TAINÁ JARA

Levantamento feito pela Defensoria Pública da União (DPU) mostrou que mais da metade dos benefícios são concedidos com atraso em MS. Números do INSS no Estado indicam que, até agosto deste ano, foram 91.994 pedidos de benefícios; destes, 51.591 foram concedidos e 40.403  esperam andamento.

No entanto, não se aponta o período entre o pedido e a concessão, uma vez que, mesmo tendo sido concedidas este ano, algumas solicitações podem ter sido registradas em 2017. Assim, levando-se em conta que, para conceder pouco mais de 51,5 mil benefícios decorreram oito meses, estima-se que mais seis meses sejam necessários para zerar os 40,4 mil não concedidos.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.

%d blogueiros gostam disto: