Fez ameaça falsa de bomba para tentar conquistar assistente de bordo

Correio do Pantanal

20 jul 2019 às 18:08 hs
Fez ameaça falsa de bomba para tentar conquistar assistente de bordo

Um homem sérvio confessou em tribunal ter feito uma ameaça falsa de bomba sobre um voo da Lufthansa, na última quinta-feira, depois de ter sido rejeitado por duas assistentes de bordo, que não quiseram jantar com ele.

O suspeito de 65 anos disse ter convidado duas assistentes de bordo para jantar, mas que estas recusaram. Segundo revela o “The Independent”, terá ficado encantado particularmente com uma das mulheres e, para evitar que ela saísse de Belgrado de imediato, fez uma chamada, que motivou a evacuação do avião onde ela iria partir em direção a Frankfurt, na Alemanha.

130 passageiros e cinco membros da tripulação, que seguiam no voo LH 1411, saíram do avião e uma equipa de deteção de explosivos foi enviada para o local, constatando que se tratava de uma ameaça falsa. O homem foi encontrado e detido no dia seguinte, estando em prisão preventiva acusado de causar pânico e desordem

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.

%d blogueiros gostam disto: