Biometria: 1º plantão de domingo atende pelo menos 1 mil eleitores em Campo Grande

Correio do Pantanal

5 fev 2018 às 07:04 hs
Biometria: 1º plantão de domingo atende pelo menos 1 mil eleitores em Campo Grande

Prazo vai até o dia 18 de março. Os eleitores de Campo Grande que não fizeram o cadastramento biométrico terão o título cancelado.

Fila de eleitores para cadastramento biométrico no Memorial da Cultura neste domingo (4) (Foto: Willer Dias/TV Morena)

Fila de eleitores para cadastramento biométrico no Memorial da Cultura neste domingo (4) (Foto: Willer Dias/TV Morena)

A Justiça Eleitoral começou, neste domingo (4), um plantão para fazer o cadastramento biométrico dos eleitores de Campo Grande. Pelo menos 1 mil pessoas foram atendidas neste primeiro plantão de domingo no posto montado no Memorial da Cultura, na região central da cidade.

Uma fila imensa para entrar no Memorial da Cultura. Teve gente que chegou lá de madrugada para fazer logo cedo o cadastramento biométrico.

O atendimento foi feito por ordem de chegada. Dentro do prédio, mais de 50 funcionários do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS) à disposição dos eleitores.

O cadastramento biométrico, que é a identificação da pessoa pelas digitais, é obrigatório para todos os eleitores da capital sul-mato-grossense. A partir de agora, a Justiça Eleitoral oferece esse serviço em um esquema de plantão aos domingos das 8h às 12h.

Lembrando que o prazo vai até o dia 18 de março. Os eleitores de Campo Grande que não cadastrarem a biometria terão o título de eleitor cancelado. Até quinta-feira (1º), 396.502 (64,91%) estavam com a biometria cadastrada.

Atendimento demora, em média, dez minutos (Foto: Willer Dias/TV Morena)Atendimento demora, em média, dez minutos (Foto: Willer Dias/TV Morena)

Atendimento demora, em média, dez minutos (Foto: Willer Dias/TV Morena)

O eleitor deve levar via original de um documento oficial de identificação com foto e comprovante de residência atualizado. Homens maiores de 18 anos que vão tirar o título pela primeira vez devem também apresentar o comprovante de quitação do serviço militar, com cópia.

Tirando a fila, o atendimento é bem simples e rápido, demora em média dez minutos.

O Memorial da Cultura Apolônio de Carvalho fica na avenida Fernando Corrêa da Costa, 559, Centro.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.

%d blogueiros gostam disto: