Empresário recolhe impressoras da prefeitura de Coxim alegando falta de pagamento
  • piramide

Correio do Pantanal

16 set 2019 às 22:42 hs
Empresário recolhe impressoras da prefeitura de Coxim alegando falta de pagamento

Por Valdeir Simão

Máquinas impressoras recolhidas da prefeitura de Coxim – Fotos: Valdeir Simão

Na manhã de segunda-feira (16), Claudionor Gonçalves de Albres, sócio-administrador da empresa Doc System Comércio e Sistemas Ltda, recolheu parte das impressoras locadas pela prefeitura de Coxim, alegando a não oficialização de termo aditivo desde 14/03/2019 e falta de pagamento do valor correspondente a R$ 111.693,75.

Segundo a notificação extrajudicial encaminhada pelo empresário ao poder Executivo municipal, a prefeitura de Coxim contratou a Doc System para prestação de serviços de locação e manutenção de 33 (trinta e três) máquinas fotocopiadoras.

Após o vencimento do último aditivo, face ao princípio da continuidade da prestação do serviço público, a empresa permaneceu com seus equipamentos à disposição do Município, sempre com a promessa de que haveria um último aditivo.

Claudionor Albres relata que apesar das diversas tentativas de acerto financeiro, a prefeitura de Coxim encerrou o pagamento dos honorários devidos à sua empresa, tornado-se inadimplente da importância de R$ 15.956,25 por mês, correspondente a média mensal paga pelo Município durante a vigência do contrato.

Diante dos fatos, o empresário notificou o Município de Coxim, administrado pelo prefeito Aluizio São José (PSB), apresentando as notas fiscais referentes ao período devedor, acompanhadas das respectivas certidões, para o devido pagamento, seguindo orientação do secretário de Receita e Gestão, André Luis Tonsica Mudri.

Claudionor Albres notificou o poder Executivo municipal sobre a retirada de todos os equipamentos, no dia que se cumpriu 7 (sete) meses em prestação dos serviços sem os devidos recebimentos, informando ainda a prefeitura de Coxim que outras medidas administrativas e/ou judiciais poderão ser tomadas para a resolução dos fatos, caso não sejam solucionadas de forma amigável.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.