Jungmann ganhou ‘carta branca’ de Temer para trocar cargos

Correio do Pantanal

28 fev 2018 às 12:11 hs
Jungmann ganhou ‘carta branca’ de Temer para trocar cargos

CONJUNTURA ONLINE

Presidente da República, Michel Temer, e Raul Jungmann (Foto: G1)

A conversa que teve na noite da última segunda-feira (26) com o presidente Michel Temer, o ministro Raul Jungmann pediu “carta branca” para fazer as mudanças que julgasse necessárias nos cargos vinculados ao novo Ministério da Segurança Pública. Temer, então, deu a “carta branca”.

Nesta terça (27), por exemplo, Jungmann já trocou o diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segovia, e indicou para o cargo Rogério Galloro, atual secretário nacional de Segurança Pública.

Auxiliares de Temer defendiam abertamente a manutenção de Segovia na direção-geral da PF. Justamente por essa pressão é que Jungmann pediu a “carta branca” ao presidente.

Jungmann e Segovia

Jungmann só conversou com Segovia após participar de uma reunião no Ministerio da Justiça, na tarde desta terça.

Foi uma conversa franca e direta. Jungmann agradeceu os serviços de Segovia, mas disse que precisaria de uma pessoa de confiança no posto.

A escolha de Galloro não foi por acaso. Pesou o fato de o novo diretor-geral da PF ter atuado com Jungmann nas ações de segurança da Olimpíada do Rio, em 2016, e também ter feito viagens com o ministro ao exterior.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.

%d blogueiros gostam disto: