Brasil já aplicou mais de 3,55 milhões de doses da vacina contra Covid; 20.277 pessoas já receberam a 2ª dose, aponta consórcio de veículos de imprensa

Correio do Pantanal

6 fev 2021 às 23:41 hs
Brasil já aplicou mais de 3,55 milhões de doses da vacina contra Covid; 20.277 pessoas já receberam a 2ª dose, aponta consórcio de veículos de imprensa

Levantamento junto a secretarias de Saúde aponta que 3.551.611 pessoas já tomaram dose de vacina. G1, O Globo, Extra, Estadão, Folha e UOL divulgam diariamente os dados de imunização no país.

Por G1

06/02/2021 20h00  Atualizado há 4 horas


Especialistas alertam que o ritmo da vacinação em todo o país precisa ser acelerado4 minEspecialistas alertam que o ritmo da vacinação em todo o país precisa ser aceleradohttps://imasdk.googleapis.com/js/core/bridge3.438.0_pt_br.html#goog_132221325000:00/04:40

Epidemiologistas dizem que experiência de imunização rápida e em vasto território do Brasil poderia estar sendo utilizada de uma forma ainda melhor nesse momento em que a pandemia pede pressa.https://7381d5252524aefdb36f218ffc9637b5.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-37/html/container.html

Balanço da vacinação contra Covid-19 deste sábado (6) aponta que o Brasil já aplicou 3.551.611 de doses, segundo dados divulgados até as 20h. A segunda dose já foi aplicada em 20.277 pessoas nos estado de Pernambuco e Minas Gerais.

A informação é resultado de uma parceria do consórcio de veículos de imprensa, formado por G1, O Globo, Extra, O Estadão de S.Paulo, Folha de S.Paulo e UOL. Os dados de vacinação passaram a ser acompanhados a partir de 21 de janeiro.

Brasil, 6 de fevereiro

  • Total de doses aplicadas desde 17/1: 3.551.611
  • Esse valor é a soma das doses aplicadas em 26 estados e no DF.
  • Divulgaram dados novos (17 estados): AC, AL, AM, BA, MA, MG, MT, PA, PB, PE, PI, RJ, RN, RO, RS, SC, SP.
  • Divulgaram dados em dias anteriores (6 estados e o DF): AP, CE, DF, ES, GO, MS, PR, RR, SE e TO.

O total de 3.531.334 pessoas que receberam a 1ª dose equivale a:

  • 1,67% da população brasileira
  • 39,71% das doses recebidas pelos estados

O total de 20.277 pessoas que receberam a 2ª dose equivale a:

  • 0,01% da população brasileira

Vacinados por estado

Vacinação nos estados neste sábado (6) — Foto: Arte G1

Vacinação nos estados neste sábado (6) — Foto: Arte G1

Total de vacinados, segundo os governos, e o percentual em relação à população do estado:

  • AC: 9.654 (1,08%)
  • AL: 65.620 (1,96%)
  • AM: 115.200 (2,74%)
  • AP: 9.287 (1,08%)
  • BA: 282.018 (1,89%)
  • CE: 159.007 (1,73%)
  • DF: 97.739 (3,20%)
  • ES: 74.537 (1,83%)
  • GO: 125.437 (1,76%)
  • MA: 83.328 (1,17%)
  • MG: 1ª dose – 295.764 (1,39%); 2ª dose – 17.750 (0,08%)
  • MS: 71.688 (2,55%)
  • MT: 55.432 (1,57%)
  • PA: 73.970 (0,85%)
  • PB: 64.406 (1,59%)
  • PE: 1ª dose – 191.702 (1,99%); 2ª dose – 2.527 (0,03%)
  • PI: 43.937(1,34%)
  • PR: 198.310 (1,72%)
  • RJ: 264.110 (1,52%)
  • RN: 63.359 (1,79%)
  • RO: 25.186 (1,40%)
  • RR: 14.775 (2,34%)
  • RS: 228.671 (2,00%)
  • SC: 89.162 (1,23%)
  • SE: 26.393 (1,14%)
  • SP: 788.443 (1,70%)
  • TO: 14.145 (0,89%)

Quantas doses cada estado recebeu até 6 de fevereiro:

  • AC: 54.910
  • AL: 127.760
  • AM: 459.420
  • AP: 37.000
  • BA: 550.700
  • CE: 334.900
  • DF: 166.660
  • ES: 136.820
  • GO: 212.980
  • MA: 233.140
  • MG: 855.780
  • MS: 190.746
  • MT: 161.160
  • PA: 251.440
  • PB: 167.446
  • PE: 354.960
  • PI: 96.160
  • PR: 352.100
  • RJ: 673.320
  • RN: 113.940
  • RO: 70.200
  • RR: 95.920
  • RS: 511.200
  • SC: 191.540
  • SE: 76.160
  • SP: 2.268.040
  • TO: 60.900

Origem dos dados

  • Total de doses: números divulgados pelos governos estaduais.
  • As informações sobre população prioritária e doses disponíveis são do Ministério da Saúde.
  • As estimativas populacionais são do IBGE.

Consórcio

O consórcio de veículos de imprensa foi formado em junho de 2020, em resposta a uma decisão do presidente Jair Bolsonaro de, na ocasião, restringir acesso a dados sobre a pandemia. Os boletins informam, atualmente, o número de pessoas mortas por coronavírus, a quantidade de contaminados e a média móvel, indicador segundo o qual é possível verificar em quais estados a pandemia do novo coronavírus está aumentando, diminuindo ou em estabilidade.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.