Bolsonaro envia ao TSE resposta sobre acusações contra urnas eletrônicas

Correio do Pantanal

4 ago 2021 às 22:26 hs
Bolsonaro envia ao TSE resposta sobre acusações contra urnas eletrônicas

Ao pedir esclarecimentos ao presidente, corregedor do TSE disse que relatos genéricos podem macular a imagem da Justiça.

 04/08/2021 – 15h02

G1

Presidente Bolsonaro (Foto: Alan Santos/PR)

O presidente Jair Bolsonaro enviou na terça-feira (3) ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) uma resposta sobre as acusações que vem fazendo contra as urnas eletrônicas. O corregedor do tribunal, ministro Luís Felipe Salomão, havia pedido que Bolsonaro apresentasse esclarecimentos sobre as acusações.

O prazo para o presidente se manifestar venceu na segunda-feira (2).

Na resposta, Bolsonaro repetiu argumentações que tem feito nos últimos dias, a favor do voto impresso, que já foram rebatidas por autoridades da Justiça Eleitoral.

Bolsonaro citou uma audiência pública, organizada pela Justiça Eleitoral em 2018, em que alguns palestrantes defenderam o voto impresso.

“O tema, como sabido, é bastante inquietante perante a sociedade brasileira e foi inclusive objeto de audiência pública no âmbito do Tribunal Superior Eleitoral”, argumentou Bolsonaro.

“Reitera-se, não se está a atacar propriamente a segurança das urnas eletrônica, mas, sim, a necessidade de se viabilizar uma efetiva auditagem”, voltou a afirmar o presidente.

Autoridades da Justiça Eleitoral já esclareceram, reiteradas vezes nos últimos dias, que a urna eletrônica é auditável e que a apuração é mais segura feita eletronicamente do que com papel.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.