Bando invade fazenda, bloqueia sinal de celular e rouba avião na fronteiraRoubo ocorreu na madrugada desta quarta-feira na Colônia Três Palmas, a 140 km de MS

Correio do Pantanal

11 jan 2023 às 14:34 hs
Bando invade fazenda, bloqueia sinal de celular e rouba avião na fronteira
Roubo ocorreu na madrugada desta quarta-feira na Colônia Três Palmas, a 140 km de MS

Por Helio de Freitas, de Dourados | 11/01/2023 09:20
ouça este conteúdo
readme
play_circle_outline
graphic_eq_outline

O avião Cessna ZP-BLW, roubado por oito homens armados na madrugada de hoje (Foto: Divulgação)
Pelo menos oito homens armados e usando roupas camufladas roubaram um avião monomotor na madrugada desta quarta-feira (11) em território paraguaio, na faixa de fronteira com Mato Grosso do Sul.

A aeronave Cessna modelo 182, prefixo ZP-BLW, foi levada do hangar de propriedade rural localizada na Colônia Três Palmas, no distrito de Raúl Arsenio Oviedo, no departamento de Caaguazú. A região fica a cerca de 140 km do município de Sete Quedas (MS).

Os bandidos usaram bloqueador de sinal de celular para impedir que funcionários do local chamassem a polícia. Equipamento usado para bloquear celulares, galões de combustíveis e “miguelitos” – cravos de aço usados para furar pneus – foram encontrados no local.

Segundo testemunhas, os bandidos chegaram à fazenda por volta de 2h da madrugada em uma caminhonete cinza e foram direto para o hangar.

O piloto Theodor Isaak Schellenberg, 51, disse que estava dormindo quando escutou barulhos e um tiro. Ao perceber a movimentação, ele tentou fazer contato com vigilantes do local, mas o celular estava sem sinal. Somente na manhã de hoje ele percebeu que o avião tinha sido roubado.

Conforme a polícia paraguaia, os “miguelitos” foram espalhados na estrada que liga a colônia ao povoado de Raúl Arsenio Oviedo. A intenção dos assaltantes era impedir que fossem perseguidos.

O avião roubado tem capacidade para quatro pessoas e pertence a Russel Toews Rempel, 36, morador na Colônia Sommerfeld. A polícia paraguaia acredita que o objetivo dos bandidos é utilizar a aeronave para transportar cocaína. – CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.