Autoteste de covid: como funciona nos EUA e na Europa
  • piramide

Correio do Pantanal

19 jan 2022 às 22:34 hs
Autoteste de covid: como funciona nos EUA e na Europa

18 janeiro 2022Atualizado Há 5 horas

Mulher branca insere coletor de amostra em seu próprio nariz

O recente aumento de casos de covid-19 e a falta de exames em laboratórios para realização do diagnóstico têm chamado atenção para uma outra possibilidade de detecção da doença ainda não disponível no Brasil: os autotestes.

Vendidos em farmácias ou distribuídos pelo sistema público de saúde em outros países, autotestes são diferentes dos exames que já estão disponíveis em algumas drogarias no Brasil.

Enquanto os exames já disponíveis para os brasileiros são coletados e interpretados nas farmácias, os autotestes são feitos e interpretados pelo próprio usuário, que coleta sua própria amostra e segue as instruções do fabricante. Eles podem ser comprados com antecedência e mantidos em casa para usar quando necessário, por exemplo.

A liberação de autotestes no Brasil está sendo debatida na Agência Nacional de Vigilância Sanitária a pedido do governo federal.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.