Dois homens sobrevivem após carro passar por cima de cerca, capotar e parar a 25 metros dentro de mata em MS
  • No Banner to display

  • celular

Correio do Pantanal

21 nov 2019 às 21:09 hs
Dois homens sobrevivem após carro passar por cima de cerca, capotar e parar a 25 metros dentro de mata em MS

De acordo com os bombeiros, vítimas tiveram apenas escoriações. Motorista alegou não estar em alta velocidade quando perdeu o controle, na MS-306, em Costa Rica.

Por Flávio Dias, G1 MS — Campo Grande

Carro perde controle, capota e para dentro de mata fechada, na MS-306, em Costa Rica (MS). — Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Carro perde controle, capota e para dentro de mata fechada, na MS-306, em Costa Rica (MS). — Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Dois homens sobreviveram após o carro que eles estavam perder o controle, passar por cima de uma cerca e capotar na MS-306, na manhã desta quinta-feira (21), em Costa Rica, a 328 km de Campo Grande. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o carro foi encontrado dentro de uma mata, a 25 metros da rodovia.

Conforme a corporação, o motorista de 28 anos, estava acompanhado de um passageiro de 19 e tiveram apenas escoriações. O condutor disse que o veículo saiu pelo lado direito da pista, mas não soube informar o motivo pelo qual perdeu o controle. Ele alegou não estar em alta velocidade.

Carro para a 25 metros de rodovia, dentro de mata fechada, em Costa Rica (MS). — Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Carro para a 25 metros de rodovia, dentro de mata fechada, em Costa Rica (MS). — Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Segundo os bombeiros, logo após o acidente, as vítimas foram até uma fazenda para pedir ajuda e recusaram atendimento médico. O acidente foi por voltas das 5h20 da manhã e os militares demoraram cerca de 30 minutos para encontrar o veículo que parou próximo às margens de um rio.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.

%d blogueiros gostam disto: