70 Anos da Revolução Comunista na China: como país pobre e rural se tornou potência mundial em 4 décadas
  • piramide

Correio do Pantanal

30 set 2019 às 06:57 hs
70 Anos da Revolução Comunista na China: como país pobre e rural se tornou potência mundial em 4 décadas

RedaçãoBBC News Mundo

Homem com fantasia e maquiagem típicas da China
Image captionChina tem vivido mudanças sem precedentes

Quando Mao Tsé Tung (ou Zedong) chegou ao poder em 1949, a China estava dominada pela pobreza e devastada pela guerra.

Nesta terça-feira (1º), quando se completam 70 anos do triunfo dos comunistas, o país está radicalmente diferente: é uma potência mundial de primeira grandeza e aspira chegar ao topo da economia global.

Mas seu “milagre econômico”, único na história, não se deve necessariamente ao “Grande Timoneiro”, mas a uma campanha impulsionada por outro líder comunista, Deng Xiaoping.

A chamada “Reforma e Abertura” conseguiu tirar 740 milhões de pessoas da pobreza, segundo dados oficiais.

Sob a ideia de um “socialismo com traços chineses”, Xiaoping rompeu com o status quo e implementou uma série de reformas econômicas, centradas na agricultura, num ambiente liberal para o setor privado, na modernização da indústria e na abertura da China para o comércio exterior.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.