12 mil pessoas vão perder seus empregos’, diz prefeito de Camaçari sobre saída da Ford

Correio do Pantanal

12 jan 2021 às 16:34 hs
12 mil pessoas vão perder seus empregos’, diz prefeito de Camaçari sobre saída da Ford
  • Leandro Machado
  • Da BBC News Brasil em São Paulo
O prefeito de Camaçari, Elinaldo Araújo
Legenda da foto,O prefeito de Camaçari, Elinaldo Araújo, afirma que queda de arrecadação pode afetar saúde pública e educação no município baiano

A queda de arrecadação por causa do fechamento da fábrica da Ford na cidade de Camaçari, a 40 km de Salvador, deve chegar a mais de R$ 130 milhões nos próximos dois anos.

Em entrevista à BBC News Brasil, o prefeito do município, Elinaldo Araujo (DEM), afirmou que a cidade deve perder cerca de 12 mil empregos com a decisão da montadora americana de encerrar as atividades no local.

Entrariam na conta os empregos diretos — os funcionários que trabalham para Ford — e vagas em empresas que prestam serviços para a montadora ou fornecem insumos para a produção de automóveis.

Na segunda-feira (11/01), a Ford anunciou que fechará suas três fábricas no país – em Camaçari, Taubaté (SP) e Horizonte (CE).

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.