PMA fiscaliza embarcações e pescadores, apreende petrechos ilegais e solta peixes

Correio do Pantanal

2 nov 2021 às 01:17 hs
PMA fiscaliza embarcações e pescadores, apreende petrechos ilegais e solta peixes

Luma Danielle CenturionImprimirFoto: Divulgação PMA

A PMA ( Polícia Militar Ambiental) abordaram 22 embarcações, com 57 pescadores amadores e profissionais e todos pescavam respeitando a legislação.

A fiscalização preventiva á pesca predatória nos rios Taquari, Coxim e afluentes, aconteceram na operação Dia de Finados. E todos foram orientados sobre as normas de pesca no Estado.

Desde sexta-feira (29), até as 10 horas os policiais retiraram 42 anzóis de galho (petrecho proibido), que foram cortados de árvores às margens dos rios, além de duas cordas de espinhel que estavam armadas, cada uma com 15 anzóis. Vários peixes que estavam vivos e presos aos petrechos ilegais foram soltos.

Se identificados, os pescadores que armaram os petrechos ilegais responderão por crime ambiental de pesca predatória. A pena para este crime é de um a três anos de detenção. Serão também multados administrativamente em valor de R$ 700,00 a R$ 100.000,00.

A PMA continuará em fiscalização preventiva, fundamental para evitar a depredação dos cardumes, especialmente, com uso desses tipos de petrechos ilegais que possuem alto poder de captura.

Notícias relacionadas

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.