Família procura celular levado por “urubus” após morte em acidente
  • piramide

Correio do Pantanal

10 ago 2021 às 23:01 hs
Família procura celular levado por “urubus” após morte em acidente

A família de Honorato Henrique Leite Alves, de 19 anos, morto no último domingo (8), em um acidente na estrada entre Antônio João e Bela Vista está procurando pelo celular do jovem que sumiu. O rapaz morreu no local, junto com uma adolescente de 17 anos.

Em postagens nas redes sociais, a família do estudante pede, por favor, que quem tenha pego o aparelho da marca Samsung  Galaxy modelo S20 devolva. Em postagem, a mãe do rapaz, a professora Maíra Leite Alves, diz que mesmo estragado, ela quer o aparelho que era do filho.

“Devolva por favor. O celular pertence a família mesmo se estiver estragado, quero as coisas do meu filho”, diz legenda de postagem no Instagram, onde ela pede que a pessoa não fique com algo que não é dela.

Em publicação no Facebook, a prima de Honorato, Camila Leite chama de “seres humanos urubus” as pessoas que ficam procurando acidentes na estrada para “fazer a limpa” nos pertences das vítimas.

“Precisamos do celular do nosso príncipe e o mesmo foi levado do local do acidente”, diz parte do texto em que ela ainda pede para que as pessoas ajudem “Compartilhando e verificando nos grupos de classificados de Bela Vista, Antônio João e região.”, completa.

Outra publicação ainda diz que no aparelho haviam muitos vídeos e fotos do adolescente e a família quer guardar essas lembranças do menino que partiu tão cedo.

Quem tiver informações sobre o celular pode entrar em contato com a mãe do rapaz, Vera, pelo telefone (67) 99819-5653.

Tragédia – Segundo boletim de ocorrência, seis pessoas, entre 17 e 23 anos, tinham acabado de sair de uma festa em Antônio João e seguiam em um VW Voyage para Caracol quando, por algum motivo que ainda será investigado, o motorista de 23 anos perdeu o controle da direção e o carro capotou. O veículo foi parar em área de vegetação, às margens da rodovia.

Honorato Henrique Leite Alves, 19 anos, e Bárbara Ormay, 17 anos, morreram no local. Leonarda Ajala Vilalba, também de 17 anos, chegou a ser socorrida, mas não resistiu. Os outros três jovens, incluindo o motorista, foram levados para o hospital da região.

* Matéria editada para acréscimo de informações.

Campo Grande News – Ana Paula Chuva

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.