Empresário brasileiro morto a tiro pelo filho que garante ter reagido em defesa da mãe
  • piramide

Correio do Pantanal

4 ago 2021 às 22:32 hs
Empresário brasileiro morto a tiro pelo filho que garante ter reagido em defesa da mãe
Empresário Fabricio Cesar de Oliveira
Empresário Fabricio Cesar de OliveiraFoto: DR

JNOntem às 19:20

Fabricio Cesar de Oliveira, um dos homens mais ricos do Brasil, foi morto na casa de luxo da família, em Valinhos. O filho, de 14 anos, disse à polícia que as agressões eram constantes.

Um empresário brasileiro foi morto a tiro, esta terça-feira, pelo filho, de 14 anos, que tentava defender a mãe durante uma discussão do casal. O crime ocorreu na casa de luxo da família, na cidade de Valinhos.

De acordo com a imprensa brasileira, Fabricio Cesar de Oliveira, que era colecionador de armas e automóveis de luxo, tentou entrar no carro para pedir ajuda, mas não resistiu aos ferimentos. Ao ouvirem os três disparos, os vizinhos da família alertaram as autoridades, que encontraram o corpo na garagem.

A polícia, que encontrou oito armas de fogo na residência, levou a mulher e o adolescente para prestarem depoimento. De acordo com o jovem, Fabricio era extremamente violento não só com a esposa, que agredia constantemente, mas também com os filhos.

Fabrício era presidente da Câmara de Comércio Brasil-China e um dos homens mais ricos do Brasil.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.