4 jan 2019 às 22:37 hs
Pacífico. Navio a deriva pega fogo, com 3500 veículos a bordo (com vídeo)

Um navio incendiou-se na véspera do Ano Novo e a tripulação conseguiu abandoná-lo, mas mantém à deriva a arder com milhares de viaturas.

O navio Sincerity Ace, com bandeira do Panamá, incendiou-se esta segunda-feira, com 3500 carros Nissan a bordo, segundo a TSF. Está neste momento à deriva no oceano Pacífico, já que a tripulação conseguiu abandoná-lo e só um dos mebros continua desaparecido.

O incêndio deflagrou enquanto o navio navegava entre o Japão e o Hawai. As buscas pelo único desaparecido foram suspensas esta sexta-feira pela Guarda Costeira dos Estado Unidos. Ao todo eram 21 os membros da tripulação, sendo que foram resgatados com sucesso apenas 16. Quatro dos restantes marinheiros estão localizados, mas ainda não foram resgatados.

Segundo a TSF, apesar do encerramento das buscas, a empresa responsável pelo navio está a coordenar com outros navios mercantes o transporte dos tripulantes que foram resgatados com vida, tentando também recuperar os quatro que estão na água através de barcos contratados para o efeito, que devem chegar ao local nos próximos dias. Para já, o barco está à deriva, sem tripulantes, e continua a arder.

Com quase 200 metros de casco, o navio foi construído em 2009 e tem capacidade para 5.200 veículos, sendo propriedade da Shoei Kisen Kaisha e estando alugado à Mistui OSK Lines.

Os registos da viagem esclarecem que o barco partiu de Yokohama, no Japão, a 26 de dezembro de 2018, tendo como destino o porto de Honolulu, no Hawai, ao qual deveria chegar a 5 de janeiro.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.