11 set 2018 às 09:39 hs
Máxima chega a 41ºC e agrava  incêndio que atinge dez fazendas

Temperaturas mais altas do ano foram registradas ontem e devem aumentar ao longo do mês

Por REDAÇÃO

Os números são da Estação Meteorológica Anhanguera/Uniderp, que revelou ainda umidade relativa foi de 9% em Coxim, a menor do Estado. Sensação térmica e máxima foram de  43ºC e 39,4ºC respectivamente na segunda-feira. Temperaturas tão altas só foram registradas em outubro do ano passado.

Segundo o meteorologista Natalio Abrão, há previsão de chuva para quarta-feira, mas somente para a região sul. Assim, as condições do tempo podem piorar. “As temperaturas pode, aumentar, estão em elevação. Podem valores maiores” ainda este mês, disse.

Já para hoje, conforme o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o céu fica claro a parcialmente nublado com névoa seca e haverá baixa umidade do ar, especialmente no Nordeste e Centro-norte do Estado.

Na região das cidades de Inocência, Cassilândia e Paranaíba, onde desde o dia 31 de agosto, incêndio toma conta de grande área de pastagem – ao menos dez fazendas – o tempo ontem foi quente. Paranaíba registrou máxima de 36,5ºC e sensação de 40ºC com 10% de umidade. Em Cassilândia a temperatura mais alta de segunda-feira foi de 36,6ºC com sensação de 41ºC e umidade em 11%. Não há registros da cidade de Inocência

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.