6 mar 2019 às 15:19 hs
Justiça determina prisão de suspeito de agredir namorada e abandonar em estrada no ES

Por G1 ES


Jonas Amaral: companheiro da vítima e principal suspeito da tentativa de feminicídio — Foto: Divulgação/Rede Social
Jonas Amaral: companheiro da vítima e principal suspeito da tentativa de feminicídio — Foto: Divulgação/Rede Social

A Justiça determinou a prisão de Jonas Amaral, suspeito de agredir a namorada Jane Cherubim, em Dores do Rio Preto, no Espírito Santo. Ele é considerado foragido e ainda não foi localizado pela polícia.

Jane Cherubim está internada após a tentativa de feminicídio que aconteceu em Pedra Menina, distrito de Dores do Rio Preto. Ela e Jonas estavam na cidade para um trabalho temporário, mas moram em Espera Feliz, Minas Gerais.

Segundo a Polícia Civil, na madrugada desta segunda, Jane foi espancada e abandonada em uma estrada. O rosto dela ficou bastante machucado, mas está fora de perigo. Ela está internada no Hospital de Carangola, em Minas Gerais.

Jane Cherubin, de 36 anos, foi brutalmente agredida e abandonada à beira de uma estrada — Foto: Reprodução/ TV Gazeta
Jane Cherubin, de 36 anos, foi brutalmente agredida e abandonada à beira de uma estrada — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

O delegado Ricarte Teixeira, que atendeu a ocorrência, explicou que testemunhas teriam visto os dois em uma festa e, em determinado momento, Jonas puxou Jane para dentro de um carro e saiu.

O delegado explicou que teria sido nesse momento que Jonas espancou Jane e a abandonou na beira de uma estrada, com o carro do casal. Foram os irmãos da vítima e o pai do suspeito que a encontraram.

Eles iniciaram buscas na região depois que Jonas mandou uma mensagem para um dos cunhados.

“O irmão contou, em depoimento, que o Jonas mandou uma mensagem para ele falando que Jane não soube valorizá-lo, que tinha feito o que fez porque havia sido traído”, relatou o delegado.

O casal estava há um ano e meio junto. O irmão ainda relatou ao delegado que Jane nunca se queixou do companheiro.

“Ele disse que tudo isso foi uma surpresa, porque a irmã nunca tinha reclamado de Jonas, nunca tinha feito qualquer comentário”, falou.

O pai de Jonas falou, em depoimento à polícia, que o filho ligou para ele e contou o que tinha feito. “Ele ainda contou para o pai que, depois do fez, tinha a intenção de tirar a própria vida”, disse o delegado.

Foragido

Buscas estão sendo feitas por Jonas Amaral no Espírito Santo e também em Minas Gerais. Quem tiver alguma informação sobre o suspeito, pode entrar em contato com a polícia através do Disque Denúncia 181 ou pelo 190, com sigilo e anonimato garantidos.

Imagens fortes — Foto: G1
Imagens fortes — Foto: G1
Imagem mostra antes e depois de vítima ser espancada no Espírito Santo — Foto: Divulgação/Rede Social e Polícia Militar
Imagem mostra antes e depois de vítima ser espancada no Espírito Santo — Foto: Divulgação/Rede Social e Polícia Militar
ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.