20 dez 2018 às 23:50 hs
Empresária é agredida, mantida em cárcere com a filha e marido é preso em flagrante

POLÍCIA

Um homem de 43 anos foi preso em flagrante nesta quarta-feira (19) por agredir e manter a esposa, uma empresária de 28 anos, em cárcere privado junto com a filha de um ano e 11 meses em Três Lagoas, cidade a 325 quilômetros de Campo Grande. Ele já havia sido preso por violência doméstica em setembro, porém foi solto sob pagamento de fiança.

Os dois chegaram a reatar o casamento, porém o autor continuou com as agressões, de acordo com uma testemunha. No último domingo (16), a vítima resolveu sair de casa, mas o homem de 43 anos teria ateado fogo na mala dela.

Nesta segunda-feira (17), ele inclusive teria agredido ela em frente a uma amante, publicou o site Perfil News. Nesta quarta, mantida trancada dentro de casa, ela conseguiu enviar mensagens por celular para advogados e à mãe, pedindo por socorro.

Ela enviava as mensagens e apagava posteriormente, já que o marido olhava o aparelho e inclusive teria dito que a mataria se o denunciasse.

Os advogados acionaram a Delegacia da Mulher e pediram a ajuda da polícia. Nesse meio tempo, ela enviou uma outra mensagem para os advogados pedindo socorro. “Ele vai me enfiar dentro da caminhonete e sair”, disse a mulher.

Os advogados ficaram escondidos em uma rua próximo à casa da mulher. Quando viram a caminhonete saindo, acionaram a polícia, que interceptou o carro e fez a prisão.

Durante todo o cárcere, na casa e no carro, a mulher estava com a filha do casal, de um ano e 11 meses no colo. O homem foi preso em flagrante e a empresária, encaminhada ao IML (Instituto Médico Legal (para os laudos periciais.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.