Homem suspeito de enviar explosivo com buquê de flores para a ex-namorada é preso em Francisco Morato, na Grande SP
  • No Banner to display

  • celular

Correio do Pantanal

3 fev 2021 às 21:52 hs
Homem suspeito de enviar explosivo com buquê de flores para a ex-namorada é preso em Francisco Morato, na Grande SP

Operadora de telemarketing de 49 anos ficou internada por dez dias após explosão. Parte da casa dela ficou destruída. O suspeito Eduardo Lazarim, que é ex-namorado da vítima.

Por TV Globo — São Paulo

03/02/2021 18h49  Atualizado há 2 horas


Eduardo Lazarim, suspeito de enviar um buquê de flores com explosivos para ex-namorada é preso em Francisco Morato, na Grande SP. — Foto: Reprodução/TV Globo

Eduardo Lazarim, suspeito de enviar um buquê de flores com explosivos para ex-namorada é preso em Francisco Morato, na Grande SP. — Foto: Reprodução/TV Globo

O homem suspeito de enviar um buquê de flores com um pacote de explosivos para a ex-namorada foi preso nesta terça-feira (2) em Francisco Morato, na Grande São Paulo.

caso aconteceu no dia 5 de janeiro, quando a operadora de telemarketing Edileuza Ramalho, de 49 anos, abriu a encomenda em sua casa no bairro Jardim Virginia.

Além de destruir parte da casa, os estilhaços da bomba também atingiram Edileuza, que ficou internada por dez dias na Santa Casa de Misericórdia de Francisco Morato.

De acordo com a polícia, o suspeito Eduardo Lazarim, que é ex-namorado da vítima, prestará depoimento na manhã da próxima quinta-feira (4).

“Presente”

Uma mulher ficou ferida após abrir um pacote que recebeu com um buquê de flores em Francisco Morato, na Grande São Paulo, na noite desta terça-feira (5).

Edileuza Ramalho recebeu a bomba embrulhada como presente, junto com um buquê de flores no dia 2 de janeiro. Como a vítima estava viajando no momento da entrega, o pacote ficou sobre uma mesa e só foi aberto no dia 5 de janeiro.

Com o impacto da explosão, o telhado do imóvel e a porta do banheiro ficaram destruídos. Jhonathan Cardoso dos Santos, filho de Edileuza, diz que foi jogado a um metro de distância com a força da explosão. A mulher foi internada, na Santa Casa de Misericórdia de Francisco Morato, e permaneceu dez dias no hospital.

O filho da vítima contou que a mãe, na ocasião, já suspeitou que a bomba teria sido entregue pelo ex-namorado. Ela terminou o relacionamento em dezembro ao descobrir que ele era casado e, segundo o filho, o homem não aceitou o rompimento. O caso foi registrado na Delegacia Central de Francisco Morato.
Mulher recebe flores com explosivos5 minMulher recebe flores com explosivoshttps://imasdk.googleapis.com/js/core/bridge3.438.0_pt_br.html#goog_1408550795–:–/–:–

Moradora de Francisco Morato foi internada depois que abriu o pacote.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.

%d blogueiros gostam disto: