Ninguém entra e ninguém sai’: mais de 120 moradores estão isolados após três pontes caírem no interior de MS
  • No Banner to display

  • celular

Correio do Pantanal

17 fev 2021 às 15:28 hs
Ninguém entra e ninguém sai’: mais de 120 moradores estão isolados após três pontes caírem no interior de MS

As pontes que caíram ligavam o município de Corguinho (MS) às comunidades rurais que fazem parte do perímetro da cidade.

Por José Câmara, G1 MS

16/02/2021 20h02  Atualizado há 20 horas


Carros ficaram submersos com a água da chuva em Corguinho (MS) — Foto: José de Souza/Arquivo pessoal

Carros ficaram submersos com a água da chuva em Corguinho (MS) — Foto: José de Souza/Arquivo pessoalhttps://tpc.googlesyndication.com/safeframe/1-0-37/html/container.html

Mais de 120 moradores estão completamente isolados na região rural de Corguinho (MS), a 100 km de Campo Grande. As pessoas ficaram presas nas comunidades depois que três pontes que ligam a região urbana de Corguinho caírem, a situação foi provocada pela forte chuva que castigou o município.

Segundo a população residente em Corguinho (MS), a chuva torrencial teria começado no início da manhã desta terça-feira (16). Os moradores do município contaram ao G1 que a enxurrada tomou conta das estradas, casas, carros e pontes.

O morador da região rural de Corguinho (MS), José Luiz, disse que a situação em que eles estão vivendo é de calamidade. Ele relatou que a situação é crítica.

“Ninguém entra e ninguém sai! Agora, estamos isolados, inundou tudo, tudo! Foi tudo muito rápido, vários rios inundaram, agora estamos completamente alagados. Estamos isolados, completamente, não sabemos como será”, relembrou José de Souza.

De acordo com a Defesa Civil de Corguinho (MS), equipes estão sendo deslocadas ao local dos incidentes para atender a comunidade.

Moradores tiveram que resgatar uma criança de dentro da própria casa com o auxílio de uma corda, após a residência e o entorno do local ficarem alagados. A cena foi registrada nesta terça-feira (16), no município. Pontes, casas e carros ficaram cobertos de água após intensa chuva.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.

%d blogueiros gostam disto: