Chefe dos Vigias da Prefeitura de Coxim morre em decorrência do Coronavírus

Correio do Pantanal

23 mar 2021 às 13:55 hs
Chefe dos Vigias da Prefeitura de Coxim morre em decorrência do Coronavírus

Sheila ForatoImprimirFoto: Reprodução/Facebook

O Coronavírus (Covid-19) fez mais uma vítima em Coxim. Na noite desta segunda-feira (22), o vírus que tem ceifado vidas no mundo, levou Gilberto Rocha, de 40 anos. Ele estava internado na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) do Hospital Regional Álvaro Fontoura, desde o início do mês, quando começou apresentar os sintomas e teve o quadro agravado.

Rocha era bastante conhecido em Coxim. Servidor público, há muitos anos ele coordenava os vigias da Prefeitura de Coxim. O prefeito Edilson Magro (DEM) chegou a decretar luto oficial de três dias pela morte do funcionário.

O ato fúnebre aconteceu durante a manhã e o enterro no início da tarde. Neste caso, o velório foi permitido porque não existia mais risco de transmissibilidade. A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) flexibilizou a realização dos funerais, depois de atestar que não haveria risco de contágio, ou seja, quando a vítima morre 20 dias depois do início dos sintomas. Entretanto, as regras de distanciamento devem ser seguidas normalmente.

Além de Rocha, outros dois funcionários da Prefeitura tem preocupado a categoria. Ambos forma infectados pelo Coronavírus e estão internados, um no Hospital da Cassems e outro num leito de UTI do Hospital Regional. Nos últimos dias muitos servidores públicos municipais foram contaminados, levando o prefeito a suspender alguns serviços, fechar órgãos e implantar o home office.

As autoridades sanitárias pedem que a população contribua com o distanciamento social, o uso de máscaras e a higienização das mãos para conter a aceleração do Coronavírus em Coxim. Conforme o boletim epidemiológico mais recente, divulgado no final da tarde de segunda-feira (22), o município tem 107 casos ativos da doença e 75 suspeitos. Já são 42 óbitos em Coxim.

A maior preocupação é com a lotação dos leitos destinados ao Coronavírus, tanto os clínicos quanto os intensivos. São 25 internados em Coxim, nas redes pública e privada. Desses, cinco pacientes lotam as UTIs, que devem receber três novos leitos até o final da semana.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.

%d blogueiros gostam disto: