4 jan 2019 às 07:47 hs
Bolsonaro pondera acabar com a Justiça do Trabalho por “excesso de direitos” laborais

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, afirmou na quinta-feira estar a ponderar acabar com a Justiça do Trabalho, onde atualmente são julgados os conflitos laborais, considerando existir um “excesso de direitos” que beneficiam os trabalhadores.

“Quando você pensa em produzir alguma coisa, quando você vê a questão das ordens de serviço, que incomodam a todos no Brasil, essa pessoa desiste de ser empreendedor”, disse Bolsonaro em entrevista à rede de televisão SBT, a primeira desde que foi empossado na terça-feira, em Brasília, como 38.º Presidente da República Federativa do Brasil.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.