Acusado de tentar matar ex-mulher e cunhada é condenado em Coxim a 14 anos de prisão

Correio do Pantanal

11 nov 2021 às 06:08 hs
Acusado de tentar matar ex-mulher e cunhada é condenado em Coxim a 14 anos de prisão

Coxim MS

Crime aconteceu em novembro de 2019. Nesta quarta-feira (10), o autor foi sentenciado a 14 anos em regime fechado

O Tribunal do Júri de Coxim – cidade a 260 quilômetros de Campo Grande – condenou autor de dupla tentativa de homicídio a 14 anos de prisão nesta quarta-feira (10). As vítimas do crime, que aconteceu em novembro de 2019 em Alcinópolis, são a ex-mulher e a ex-cunhada do suspeito e por isso foi sentenciado por feminicídio. 

De acordo com o Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul, o réu tentou matar a ex-companheira e a irmã dela, “mediante dissimulação e surpresa” e só não conseguiu por “vontades alheias a sua vontade”. Segundo a denúncia, os crimes foram praticados por razão da condição de sexo feminino, consequência da violência doméstica e familiar. 

Submetido a júri popular em Coxim, o réu foi condenado. No julgamento, o Conselho de Sentença acolheu todas as qualificadoras do crime em relação à ex-mulher, mas afastou a qualificadora do feminicídio em relação a cunhada.

Diante do resultado e considerando os dois crimes, a juíza Tatiana Dias de Oliveira Said fixou a pena de 14 anos de reclusão em regime fechado. 

Por: Geisy Garnes/campograndenews

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.