14 maio 2018 às 09:28 hs
PM que matou ladrão na porta da escola em Suzano é homenageada por governador de SP

“Pensei apenas em defender as mães, as crianças”, disse policial

Jornal do Brasil,

França entregou flores à policial militar em cerimônia no Comando de Policiamento de Área Metropolitana-4, na Vila Esperança, zona leste de São Paulo.

“Essas pessoas [criminosos] se descontrolam facilmente. Eu não sabia se a reação dele seria atirar nas crianças ou na mãe ou no responsável que estava na porta da escola. Pensei apenas em defender as mães, as crianças e a minha própria vida e da minha própria filha”, disse a policial militar que está há 20 anos na corporação.

Governador homenageou policial que matou assaltante

O governador afirmou que o evento era para “cumprimentar a destreza, a técnica e a coragem” da cabo. “A homenagem é feita porque é Dia das Mães, e ela é mãe”, afirmou ao ser questionado se o agradecimento não iria contra a filosofia de redução de letalidade policial.

“A gente não pode deixar de enaltecer toda a técnica que você usou nesse episódio, da maneira rápida que você agiu e, ao mesmo tempo, a coragem que você teve, porque poderia simplesmente se omitir naquela situação, pois estava de folga, à paisana”, disse França à policial.

Kátia estava de folga e tinha ido participar da festa do Dia das Mães na escola da filha mais velha.

ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do Jornal Correio do Pantanal. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.